As placas mãe possuem muitas especificações técnicas que podem parecer confusas à primeira vista. Entender o significado delas é essencial para escolher o modelo ideal. Vejamos as principais:

Entenda o Significado das Especificações Técnicas em Placas Mãe插图
Chipset
Determina muitos recursos e performance da placa. Chipsets mais novos oferecem mais tecnologias e compatibilidade.
Soquete do Processador
Deve ser compatível com o processador escolhido. Soquetes mais novos aceitam CPUs mais poderosas.
Tamanho
ATX e microATX são os mais comuns. Tamanhos menores limitam expansão. Maiores exigem gabinetes espaçosos.
Slot de Memória RAM
O número de slots e tipo (DDR4, DDR5) determina quanta memória a placa suporta e seu potencial de upgrade.
Slots de Expansão
Mais slots PCIe permitem adicionar placas de vídeo, áudio, rede e outros expansores futuros.
Armazenamento
Mais slots M.2, SATA e portas USB garantem ampla capacidade para SSDs, HDDs e pendrives.
Conectores de Energia
Conectores EPS e ATX fornecem energia estável para alimentar todos os componentes, especialmente o processador.
Entradas e Saídas
Quantidade de portas USB, áudio, vídeo e rede determinam facilidade de conectar periféricos e monitores.
Dissipação Térmica
Dissipadores, heatpipes e placas metálicas mais robustos dissipam calor de forma eficiente, permitindo overclocking.
Áudio
Implementações avançadas como áudio de alta definição resultam em som surround nítido ideal para games e multimedia.
Conectividade
Wi-Fi, Bluetooth e Ethernet integrados garantem acesso à internet sem fio e velocidade nas redes.
Além disso, observe estes outros detalhes técnicos:
BIOS
O firmware deve ser intuitivo, fácil de navegar e atualizável para configurar todos os aspectos da placa mãe.
Overclocking
Recursos avançados de overclock permitem aumentar o desempenho do processador, memória RAM e outros componentes.
Iluminação
LEDs RGB integrados permitem personalizar o visual do computador e exibir efeitos luminosos.
Slots M.2 e SATA
A quantidade suportada determina quantos SSDs e HDDs poderão ser instalados simultaneamente.
Portas USB 3.2
Versões mais novas como USB 3.2 Gen2x2 oferecem velocidades de transferência muito mais rápidas.
Compatibilidade
O suporte para processadores, memórias e placas de vídeo mais recentes garante uma configuração moderna e atualizada.
Chipset de Rede
Chipsets mais avançados provêm conexões de internet com menor latência e mais estabilidade.
Codec de Áudio
Códigos avançados como ALC1220 oferecem captura e reprodução de áudio em alta fidelidade.
Alimentação da CPU
Fases de potência, capacitores e dissipadores que compõe o VRM influenciam o fornecimento de energia estável ao processador.
Assim, observe atentamente todas as especificações para adquirir a placa mãe perfeita para suas necessidades, compatível com os demais componentes.
Entenda o Significado das Especificações Técnicas em Placas Mãe (continuação 2)
Além de entender as especificações, também é importante saber interpretar o significado do nome e número do modelo da placa mãe.
A nomenclatura varia por fabricante, mas geralmente segue um padrão como este:
[Marca] [Chipset] [Características] [Número do Modelo]
Por exemplo:
Gigabyte B550 AORUS Elite AX V2
Gigabyte – Marca
B550 – Chipset AMD B550
AORUS Elite – Linha de produtos Gigabyte Aorus com recursos avançados
AX – Indica conectividade WiFi e Bluetooth
V2 – Versão 2 desse modelo
Outros exemplos:
Asus ROG STRIX Z690-A GAMING WIFI D4 – Placa Asus da linha ROG Strix com chipset Intel Z690 e conectividade sem fio
MSI MAG B660M MORTAR WIFI – Placa MSI série MAG com chipset Intel B660 em formato microATX
Ao ver o nome do modelo já é possível ter uma boa ideia das características e recursos da placa mãe.
O número do modelo também fornece informações, indicando a posição na hierarquia de produtos. Modelos com números maiores tendem a ser superiores.
Portanto, decifrar o nome e número do modelo ajuda a entender rapidamente o posicionamento e recursos de qualquer placa mãe.

By Iye

Leave a Reply